Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

andar por fora

à descoberta da plenitude de um instante eternizando o momento que passa

andar por fora

à descoberta da plenitude de um instante eternizando o momento que passa

Visão do Paraiso ou dos Jardins Suspensos

 

 

 

Visão do Paraiso ou dos Jardins Suspensos
Entre almargens e praias, veigas e perfumes,
Montanha-jardim-parque, noiva, além dos cumes,
Do desdobrar sem fim de horizontes imensos.

Bisavó de Viana ao tempo de outros numes,
Irmã gémea do bosque e dos seus sonhos densos,
Onde as horas se vão num acenar de lenços
Aessa amplidão sem par de que os astros têm ciúmes.

Varanda-alpendre em trepadeiras e guirlandas
Aonde Viana sobe até onde a alma a chama.
E as gentes haurem a pleno hausto o azul dos céus…

Pégula sobre o Lima e o Mar de tantas bandas,
Púlpito de sermão que Portugal proclama
Em beleza e alegria e sonho e fé em Deus!

AMADEU TORRES (CASTRO GIL)
PROFESSOR CATEDRÁTICO

 

♥ FOTO | Viana do Castelo | agosto'14 ♥