Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

andar por fora

à descoberta da plenitude de um instante eternizando o momento que passa

andar por fora

à descoberta da plenitude de um instante eternizando o momento que passa

explicação da eternidade

foto  S. Torcato - Guimarães  fevereiro'17 13

 

Devagar,
o tempo transforma tudo em tempo.
O ódio transforma-se em tempo.
O amor transforma-se em tempo.
A dor transforma-se em tempo.
Os assuntos que julgamos mais
profundos, mais impossíveis,
mais permanentes e imutáveis,
transformam-se devagar em tempo.
Mas, por si só, o tempo não é nada,
a idade não é nada, a eternidade não existe.

 

José Luís Peixoto

 

foto | S. Torcato - Guimarães | fevereiro'17

1 comentário

Comentar post